Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



FELIZ ANO 2010

por @k, em 30.12.09

 

 

PVA......

 

Deseja a todos os viajantes por este espaço, um Ano de Novo com muita saúde e que todos os objectivos pessoais e profissionais sejam alcançados.

 


 BOM ANO DE 2010

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:07

2010 - PREVISÕES......

por @k, em 27.12.09

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:57

...

por @k, em 20.12.09

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 23:40

NÃO ROMPERAM O CAPOTE....

por @k, em 16.12.09

 

 

PVA....

 

A avaliar pelo Diário da República de 16Dez2009, a "purga" no seio da PSP, já se iniciou.

 

4 Aposentações Compulsivas e 7 Demissões

 

No verão passado, os meios de comunicação social davam-nos conta de serem 39, o número de polícias a serem afastados compulsivamente da Polícia de Segurança Pública...

Logo, a "procissão" ainda vai no adro...

 

Como se costuma dizer no meio policial....

 

"ESTES... (e aqueles que se vão seguir)  NÃO ROMPERAM CÁ O CAPOTE...."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:25

LEITURA NECESSÁRIA

por @k, em 12.12.09

 

 

 

Investigação Criminal - A Organização, o Método e a Prova - Os Desafios da Nova Criminalidade

 

A sociedade informacional o crime organizado desterritorializou-se e fortaleceu-se, tornando-se uma ameaça silenciosa e tentacular que procura e, quantas vezes consegue, corromper a Administração e o Estado, manipular os media e a opinião pública, denegrir e enfraquecer as instituições que lhe fazem frente, interferindo nos centros institucionais de decisão judicial, económica e política.
A investigação desta nova criminalidade opaca e defensiva, que parece resistir imune e impune às chamadas técnicas clássicas de investigação criminal, constitui o principal desafio que hoje se coloca ao Sistema de Justiça Criminal.

Torna-se vital o desenvolvimento sistemático de novas metodologias de investigação proactiva, que permitam enfrentar com eficácia um núcleo restrito de criminalidade mais grave de que são exemplos os várias tráficos, a criminalidade económico-financeira, o banditismo e o terrorismo.

Um novo paradigma, assente na produção de intelligence criminal, na cientificidade multidisciplinar e na intensa cooperação, que já não tem por objecto e ponto de partida o acto criminoso e o seu autor, mas a actividade e a organização criminosa e já não tem por objectivo reconstituir o passado, mas sim conhecerem tempo real o presente, e, se possível, antever o futuro.

Uma investigação criminal que, actuando no limite de fronteiras axiologicamente inegociáveis, conjugue o discurso da eficiência com o discurso da legalidade, impedindo, em nome da Liberdade e da Democracia, que se abra a caixa de Pandora do justicialismo securitário.

 

 

Regime Jurídico das Armas e Suas Munições - Anotações

 

O Novo Regime Jurídico das Armas e suas Munições coloca Portugal na vanguarda do direito positivo europeu sobre esta matéria. Atendendo à especificidade e até complexidade deste diploma, entendem os autores, por serem órgãos de polícia criminal e trabalharem diariamente com a presente lei, direccioná-la numa vertente prática através de várias anotações que percorrem muitos dos seus artigos, tornando assim a sua consulta simplificada e fundamentalmente mais rápida.
É sua convicção que o presente trabalho, executado desta forma, vai ser um instrumento muito útil não só às forças e serviços de segurança, mas também a todos os operadores judiciários, bem como a armeiros, caçadores e a outros titulares de licença de uso e porte de arma.

Rafael Marques, Subintendente da PSP
Comando Metropolitano de Lisboa

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:04

PAUSA - BREAK

por @k, em 06.12.09

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 23:25

PVA.... ESTÁ DE LUTO

por @k, em 01.12.09

 

        

 

 

 

Montemor-o-Velho

Homem mata mulher e militar da GNR a tiro

Publicado em 29 de Novembro de 2009

 

 

Um homem de 41 anos matou hoje a tiro a mulher, que se encontrava dentro de uma ambulância, e um militar da GNR em Montemor-o-Velho, distrito de Coimbra, disse à agência Lusa fonte da corporação.

O comandante do Destacamento da GNR de Montemor-o-Velho adiantou à agência Lusa que um segundo militar foi baleado na anca, encontrando-se hospitalizado mas livre de perigo.

Segundo o alferes Nogueira, a mulher “com sinais de agressão” apresentou queixa contra o marido por violência doméstica esta manhã no posto da GNR de Montemor-o-Velho, tendo os militares de serviço chamado uma ambulância para que fosse observada no Instituto de Medicina Legal. “A mulher ainda arrancou na ambulância mas o condutor foi obrigado a regressar ao posto da GNR por ameaça do marido que seguia no seu encalço”, explicou o oficial.

Foi já com a ambulância parada junto ao posto da GNR que o agressor terá disparado uma caçadeira contra a mulher, atingindo-a mortalmente.

Detido pelos militares do posto, o homicida foi revistado no interior das instalações onde, de acordo com o alferes Nogueira, terá sacado de um revólver e atingido os dois militares.

 

 Fonte: Ionline

  

 

(Nota à Imprensa da APG/GNR)

 

 

PVA....

Está de Luto.

Quando morre um profissional no exercício do seu dever, este espaço tal como toda a sociedade, ficam tristes e mais pobres.

Á Família enlutada e aos colegas que privaram de perto com o malogrado camarada, PVA.... apresenta as mais sentidas condolências.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:52


Mais sobre mim

foto do autor