Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


 

  

Blindados provocam troca de acusações

Major da GNR fala em "estratégias ocultas". Os polícias contra-atacaram.

  

A polémica sobre a aquisição de blindados para a PSP entrou na troca de acusações entre militares da GNR e oficiais da polícia. O mote foi dado por um artigo de um major da GNR, questionando a compra. Ontem, o Sindicato Nacional dos Oficiais da Polícia (SNOP) respondeu, afirmando que a Guarda tem 21 blindados parados "para os quais ainda não se encontrou utilidade em missões de segurança pública".

 

Foi num texto de o Jornal Defesa e Relações Internacionais (www.jornaldefesa.com.pt/opiniao_v.asp?id=834) que o major Mário Machado Guedelha criticou a compra das viaturas que deviam ter sido utilizadas na Cimeira da NATO, em Lisboa: "Parece que sobre a metodologia de aquisição também não há consenso. Se era uma aquisição planeada e cujo calendário da Cimeira foi mera coincidência, porquê o ajuste directo e com dinheiros colaterais? Porque não foi integrado nas leis de programação de instalações e equipamentos das forças de segurança?"

 

O major questionou ainda o aparecimento, através do orçamento do Governo Civil de Lisboa, da verba para comprar, além dos blindados, outro material para a PSP. "Tendo em conta este aparecimento inexplicável de 5 milhões de euros no Governo Civil de Lisboa, podemos extrapolar que existirão algures, nos restantes governos civis, alguns milhões de poupança que possam contribuir para outras aquisições ad hoc, assim as forças e serviços de segurança encontrem inteligentemente os argumentos para os atrair, ou então que revertam para atenuar os efeitos da crise, que todos pagamos."

 

Em comunicado, os oficiais da PSP perguntam se "as acusações implícitas e explícitas desse oficial reflectem a posição da GNR". E lançam uma contra-acusação: "Qual é a verdadeira motivação do militar que ataca o Estado e as instituições congéneres esquecendo--se de mencionar que na casa, que supostamente serve, se têm feito despesas ciclópicas na aquisição de equipamento (...)?"

 

 

 

 


 

  PVA....

 

no meio desta polémica toda, o que PVA...

gosta mesmo...

é dos "smileys" nos faróis dos blindados.....

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:07

 

 

 

Rio de Janeiro à beira de 'banho de sangue' - Sol

 

O Rio de Janeiro pode viver nas próximas horas um «banho de sangue sem precedentes na história», disse à Lusa o deputado estadual Marcelo Freixo, actuante na defesa dos direitos humanos e contra a corrupção de agentes de segurança.

«Queremos evitar ao máximo a morte de pessoas e o banho de sangue. Estive pessoalmente com o secretário de Segurança para achar mecanismos para rendição», declarou o historiador Marcelo Freixo, do Partido Socialismo e Liberdade (Psol).

Freixo foi o responsável pela instauração da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Milícias e foi o segundo mais votado nas eleições de outubro deste ano.

O comandante-geral da Polícia Militar do Rio de Janeiro, coronel Mário Sergio Duarte, pediu aos traficantes que controlam o Complexo do Alemão que se rendam para evitar mais violência, antes da entrada de centenas de policiais que mantêm cerco ao conjunto de favelas.

Dezenas de traficantes que há dois dias foram expulsos pela Polícia, com o apoio de blindados da Marinha, da Vila Cruzeiro, buscaram refúgio no vizinho Complexo do Alemão, cujos acessos estão sob controlo de policiais e militares do Exército.

 

 


 

PVA....

 

Os nossos camaradas brasileiros, em horas extraordinárias e trabalhos forçados....

Espera-se e deseja-se, que consigam devolver a segurança e tranquilidade pública, ás populações residentes naquelas favelas no mais curto espaço de tempo, e já agora.... sem "baixas".

A nossa solidariedade para com eles.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:07


Mais sobre mim

foto do autor